Follow by Email

segunda-feira, 4 de maio de 2015


PROFESSOR e professor

Professor formado com um livro, ele só faz balbuciar ideologias e se esconde quando é preciso tomar decisões.
Qual o aprendizado?
Ao ser indagado, diz que é para garantir os dias letivos, mas aproveitam para não dar a aula a qual se propôs e dizer para que deixem os outros lutem por todos.
Assemelha-se a seca, quando os abutres se alimentam das carcaças dos que lutaram para garantir uma vida melhor.
Este professor ensina como ficar alheio a realidade da vida, ele apenas faz cumprir uma demanda de hora/aula, que segundo ele é necessária para que haja aprendizagem dos conteúdos, ele acredita ser necessário para formar um cidadão que não exercita seus direitos nem sua dignidade ele trabalha frequentando a escola.
Os professores que dedicam sua vida investiram recursos financeiros, sua juventude, se esmeraram em seus professores e empreenderam.
Foi uma longa caminhada para estarem aptos e terem condições de ensinar a universalidade dos conhecimentos com diversidade de olhares sobre os fatos.
Os professores que estão em greve possuem nível superior, merecem ser remunerado dignamente de acordo com os demais profissionais de nível superior.
HOJE UM PROFESSOR GANHA MENOS QUE UM PEDINTE DE RUA.
A sociedade tem dó do miserável professor, pois ele trabalha o mês todo, mas qual é a vantagem de ter trabalhado o mês todo?
O pobre professor estar na mesma condição de todos os que não trabalharam por estarem em greve, cheio de necessidades sem ter a mínima condição financeira para sanar suas dividas e ou suprir as necessidades para se aprimorar na profissão.
É este o ensinamento proposto por estes professores que perderam sua dignidade?
Os PROFESSORES QUE ESTÃO EM GREVE, também tem suas dívidas financeiras, mas estes PROFESSORES EM GREVE, não terá nenhuma dívida de dignidade, pois estão na luta de peito aberto e cobertos de razão.
Ter contas pra pagar, todos temos.
Quero ver ter a coragem, pra dizer basta a está hipocrisia e para de lamentar, sem nunca ter tomado os rumos de sua vida em suas mãos.
A maior glória sempre será a de poder olhar nos olhos dos meus, com orgulho e dignidade, por ter ido a luta pelo que acredito, por que eu sempre saberei que é justo e de direito o salario digno de um PROFESSOR.
O PROFESSOR nunca poderá se acovardar e aceitar a educação como está não é nem nunca será a aula inaugural de nenhum PROFESSOR.
É professor quem leu tantos livros, mas que não aprendeu nada com eles?
PROFESSOR

POR ISSO ESTAMOS EM GREVE

A derrota ou a glória está na luta pelo ideal.

Prof. Hélio Ramos de Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário