Follow by Email

sexta-feira, 28 de outubro de 2011


Mandinga para conseguir aumento salarial por mérito no
estado de São Paulo



Segure um pote de sal na mão esquerda* jogue três
punhadinhos nas costas em seguida de três pulinhos
gritando São Paulinho... São Paulinho... Preciso de um
aumentozinho.

Em seguida inscreva-se no site da vunesp e vai fazer sua
prova no dia e data marcada não se desespere você já esta
protegida é só ter fé...

Com certeza você ira passar e então espere ser escolhida
entre 06 bilhões de pessoas, mas se isso acontecer em
2012 será 07 bilhões, mas tudo bem você passou e então
se seu nome sair publicado no D.O mesmo que tenha se
passado 35 anos você ira receber todo o valor retroativo e
seu mérito será estar vivo para receber sua bolada e
dividir com o Leão do imposto de renda.

A mandinga funciona pode acreditar

O problema maior, é entender como funciona a vontade do
estado em te pagar.

Ah!...

Quem receber o aumento não recebera nunca mais os vales
coxinha, pois professor não almoça, ele se alimenta. Sendo
assim é melhor garantir as coxinhas pelo menos estará
usufruindo deste beneficio.

Pense bem... É melhor a coxinha ela já é um mérito seu...

Obs:* se for coto pode ser na mão direita



Helio Ramos de Oliveira

Quem faz o que, quando, como e onde?

É pratica comum na educação pública, a criação de novos
cargos que se fossem entendidos seria de grande
relevância para a melhoria dos ritos acadêmicos diminuindo
a carga de trabalho que sempre obstrui o bom rendimento
da escola como um todo.
São notórios os conflitos de competências dentro do
ambiente escolar no momento das tomadas de decisões
iniciando um jogo de empurra que incidirá diretamente no
rendimento escolar do aluno que em momento algum foi o
objeto principal.
É preciso que as competências e habilidades das pessoas
que ocupam esses cargos estejam coadunando com seu
perfil profissional para que de fato as coisas aconteçam
como foi pensado.
Unidade escolar – EU, significa um plano de metas
unificado e ações diferenciadas por cada grupo de
interesse, realidades  objetivando uma melhoria global e
continuada buscando a qualidade da educação proposta
onde o aluno tenha um bom rendimento escolar.
Para tanto, todos na escola precisamos ser protagonistas e
criar as condições necessárias para que o ambiente se
harmonize e os resultados apareçam de forma satisfatória
para todos os atores e atrizes dessa montagem.
No mundo de hoje, a busca por parcerias é real, acredito
nelas para que fique bem claro que é possível mudar a
forma de ver e entender a educação nesse momento tão
singular em que vivemos com tanta informação e pouco
traquejo no manipular e transformar tudo isso em
oportunidades para atingir novos objetivos para os
contemporâneos deste singular momento.
Os papéis desses novos cargos precisam estar interligados,
bem esclarecidos para que juntos cada um em seu espaço
otimizem e aperfeiçoem no que tange mobilizar a escola em
um só objetivo dentro de um plano de metas.
               “Amar não é olhar um para o outro,é olhar

juntos na mesma direção.”
Antoine de Saint-Exupéry
1.   Coordenação?...
Coordenação: s. f. Disposição metódica que estabelece relação recíproca ou sucessiva entre coisas em que ela se exerce.
O que significa isso?
Coordenar – Conjugar:
v. tr.
1. Reunir ou dispor com coordenação.
2. Arranjar, organizar.
http://www.priberam.pt/dlpo/default.aspx
2.    Gestão?...
Gerência:
s. f.
1. Ato de gerir. = GERENCIAMENTO
2. Funções de gerente.
3. Administração.
Administração:
s. f.
1. Gerência de negócios próprios, alheios ou políticos.
2. Casa onde se exerce a administração.
3. As pessoas que administram.
4. Exercício.
5. Ação de conferir.
http://www.priberam.pt/dlpo/default.aspx
O que é isso?...
Gerir; administrar – Conjugar:
v. tr.
1. Exercer a administração de.
2. Dirigir superiormente.
3. Subministrar, conferir.
4. Ministrar, aplicar.
http://www.priberam.pt/dlpo/default.aspx
 
Mediar?...
Mediar – Conjugar:
v. tr.
1. Dividir ao meio.
2. Intervir acerca de.
http://www.priberam.pt/dlpo/default.aspx
O que é isso?
v. intr.
3. Ficar no meio.
4. Passar-se (entre dois fatos ou duas épocas). Intervir, interceder. http://www.priberam.pt/dlpo/default.aspx
Só podemos mudar, quando acreditamos que é possível, isso
deve estar bem claro dentro de cada um. Mudar nossas
atitudes, para mudar nosso modo de vida.



Helio Ramos de Oliveira

sábado, 15 de outubro de 2011

Homenagens aos professores são pontuais no dia
15/10, mas qual a verdadeira homenagem que deveria
ser dada ao professor?
Muitos saem de suas almofadas de conforto e menciona
a importância do professor para a sociedade, mas, no
entanto são os mesmos que corrompem o sistema
desorientando a conduta de justiça e honestidade.
Em nosso país isso é institucional, faz parte da
condição para ser políticos se fazer de morto. E nas
tomadas de decisão colocar para a situação em
vigência e estar a favor, mas na oposição.
Não se preocupe se você não entendeu o que quis dizer
acima não era para ser entendido aprendi com nossos
políticos.
Aos professores cabem os descasos e desmandos. A
universalização da educação, não veio junto ao respeito
aos professores.
Essa semana um professor foi ofendido por um “aluno”
que rindo disse a ele que nada poderia fazer, pois ele
era menor e estaria impune e então disse: “você vai
ter que me engolir - Zagalo”.
Essa é a escola que nossos políticos são doutores e
ensinam muito bem com suas atitudes e seus exemplos.
Escrevem seus perfis de forma impecável seus feitos e
conquistas mesmo sendo com o dinheiro alheio, mas
estão impunes pois, seus direitos se sobrepõem aos
demais assim como os infratores, mas foram eleitos
escolhidos para praticar esse delito.
Parabéns professores esses que sempre tem um bom
exemplo a ensinar.
·        Somos humilhados em nossa pratica docente, não temos o direito de almoçar;
·        Pois estamos a caminho de outro posto de trabalho, estamos sempre em risco;
·        Cuidamos dos filhos dos outros em detrimento aos nossos;
·        Somos a categoria mais ridicularizada. “até mesmo os bandidos pedem desculpas quando descobrem que a vitima é professor.”
Mas mesmo assim estamos sempre dispostos a fazer
a coisa certa.
Pelos nossos alunos e por nossa escolha.
Parabéns professores pelo seu sonho de um mundo
melhor e igualitário onde os representantes do povo
elejam o povo como principal e assim um dia o valor
de todos os nossos esforços apareçam e dignifiquem
de fato toda a dedicação ao ensino da verdade e
justiça.
Professores são tão lindos em sua essência, possuem
cheiro de confiança, jeito de criança e amor dos
pais.
Professor é político elegeu a verdade, a justiça e a
honestidade como conduta de vida, faz disso seu ar.
Já os políticos de nosso país!...
Nem posso falar.

Helio Ramos de Oliveira

domingo, 2 de outubro de 2011

Para educar!...
É necessário: doses de amor ao que se faz e liderança.
Não se devem selecionar os ingredientes, devem eles ser
lapidados sem perder suas essências. Muitos são de
terrenos áridos e inóspitos devem ser tratados com mais
esmero sem que se esqueça das nobres propriedades.
Possuem qualidades maravilhosas, estão em seu intimo e

que nem eles sabem que possuem. O amor, é quem pode

construir de forma serena e constante.
Para tanto, se faz necessário formar uma parceria com

sincronismo e conexão para que haja uma cumplicidade

entre os atores.
Misturando as demonstrações de afeto aos atores, é que
resultara em um canal de sintonia buscando assim a
liberdade para ensinar.
Entusiasmo, alegria e sutileza são essenciais para que seja

simultâneo o desejo e a condição de aprender.
Vejamos nas aves e nos peixes que possuem um

sincronismo liberto, mas que sempre há uma liderança que

busca para si a responsabilidade nas tomadas de decisão

cumprindo seu papel. Não é diferente quando juntos

buscamos atingir metas que valorizem o desenvolvimento

um do outro.
Educar é um gesto não uma condição.
Somos aprendiz um do outro e estamos nas mesmas
condições. É preciso tratar as questões com amor ao que
se faz e para que se faz.
Tratamos com respeito as diversidades e somar valores é

preciso acredito que assim não ficaremos mais

bestificados com os adestradores que domam seus animais

sem violência.
Amor...
É preciso usar mais essa palavra, ela tende a se espalhar e
criar um ambiente mais salutar. Um solo fértil, onde de
fato a educação deixe de ser uma promessa e se torne
uma realidade.
Devemos isso às futuras gerações que virão.



Helio Ramos de Oliveira